Terça Traquina – A Escola é Terra Santa


A escola é terra santa.

A escola é terra santa

E o milagre é o saber

A família unida canta

E o professor tem prazer.

O amigo é como um irmão

O livro é uma bússola

Tudo feito em união

No espaço ninguém abusa.

Base de cidadania

Respeito e cooperação

Um contrato, a boa linha

Aprovado em votação.

Fila, preguiça e bagunça

Foram expulsos da escola

Quem não sabe faz pergunta

E entende logo a história.

Carteiras em forma de “U”

A turma toda em equipes

Mesmo muitos formam um

Como um pelotão de elite.

Quadro de giz é passado

Pichação lá não existe

Tudo é bem ajustado

Nada é feito com deslize.

A família é presente

Ao lado do Corpo Docente

A comunidade contente

Sem registro de incidente.

Vitória vitoriosa

É uma história de mudança

A escola é gloriosa

Espaço de relevância.

As drogas foram embora

Violência nem se fala

Foi plantada uma nova história

E na escola a paz se instala.

Professor e professora

São tratados com respeito

Uma ação inovadora

Plantada desde o berço.

Criança e adolescente

O seu limite entende

Com um espírito valente

A humildade aprende.

Em toda sala de aula

Tem respeito e colaboração

Mesmo se for aula vaga

Lá não tem bagunça não

Tudo com democracia

Votação e explicação

Momento de cidadania

Do Brasil, grande Nação.

O meu verso vou publicar

Bem grande em um outdoor

E quem ver vai concordar

A falta de educação dá um nó.

Dá um nó sim, senhor

Pois, falta o professor, o doutor, o agricultor e também o amor

Gerando um estágio de horror

Um nível desesperador.

Como poeta eu verso

Como cristão eu oro

E ao Bondoso Senhor eu peço

Dá Oh! Pai, mais educação ao nosso amado Brasil, eu imploro.

Pois, quando isso ocorrer

Haverá saneamento básico

Entrar em uma escola, dará ao visitante prazer

Diante do elevado estado.

Redução de acidentes

No trânsito, no trabalho e nas casas

Pois, a educação, faz nascer um povo muito mais consciente

Como uma águia, voando bem alto, com as suas potentes asas.

Para não me alongar

O verso vou concluir

Mas, antes vou declarar

Vem educação! E faz a tua morada em mim.

 

Ricardo Santos.

Inspiração e inscrição em 03-12/11/2008, hoje acrescido para a Terça Traquina, do Lar Maná, 20/07/16*.